Entendendo o algoritmo do Instagram em 2018

Entendendo o algoritmo do Instagram em 2018

Entendendo o algoritmo do Instagram em 2018

Vamos entender, de uma vez por todas, como o algoritmo do Instagram funciona em 2018? Pode ser coisa da idade, ou curiosidade eterna, mas ando numa fase de querer entender, por A + B, como as coisas funcionam. Cansada de suspeitar se meu conteúdo está sendo, ou não, entregue aos meus seguidores, fiz uma pesquisa pra entender – sem especulação – como o feed do Instagram funciona e encontrei informação vindas dos próprios funcionários! Vem acabar com essa dúvida cruel.

A explicação vem do site Tech Crunch, que esteve em um encontro com os desenvolvedores de produtos do Instagram para repórteres. Caso você use a sua conta pra promover o seu negócio/serviço, ou – como é o meu caso – pra comunicar uma mensagem, a melhor maneira de usar uma ferramenta é sabendo como ela trabalha. Além disso, você pode se exibir sempre que alguém reclamar, sem fundamento, que o aplicativo está conspirando contra eles. 

É possível, sim, que o Instagram tenha estratégias que não esteja compartilhando com o seu público. Mas, como uma boa marca, o objetivo principal deles é que os usuários passem mais tempo na rede e acessem conteúdos dentro do seu interesse. Então, acho que é seguro dizer que o IG não tá pegando no seu pé.

Critério de ranking do feed

O feed que você experiencia no Instagram está sendo determinado por computadores pra se aproximar ao máximo às coisas que você curte (literalmente). Ou seja, mesmo que você siga exatamente as mesmas contas que outra pessoa, vocês verão coisas diferentes no feed a depender da sua interação com eles. 3 principais fatores influenciam nessas decisões, são elas:

Interesse

Isso é quando o IG prevê que você se importa com aquele post. Seja pelas hashtags usadas, pelo seu interesse por posts similares ou até por ser foto ou vídeo, por exemplo. Quanto mais interessante o conteúdo parecer pra você – pelo menos para os computadores – mais provável será que ele apareça no seu feed.

 Recência

Ainda que não siga mais ordem cronológica, posts mais recentes são priorizados a posts com mais de 1 semana.

Relacionamento

Qual é, segundo a rede social, o seu relacionamento com a pessoa que postou o conteúdo. Isso considera comentários compartilhados entre as 2 contas, marcações em fotos e trocas de DM.

Além desses 3 fatores, há também 3 elementos adicionais que influenciam a ordem do feed.

Frequência

Quantas vezes você abre o aplicativo, já que ele vai tentar sempre te mostrar coisas novas desde a sua última visita. Eu tinha uma teoria em que nunca ia conseguir ver todos os posts recentes por conta disso, mas ela foi desbancada quando recebi uma mensagem de “that’s all for now”, haha.

Seguindo

Naturalmente, a depender de quantas contas você segue, é mais provável receber conteúdo de mais ou menos fontes diversas, fazendo assim que você veja conteúdo mais diversificado, ou não!

Utilização

Quanto tempo as suas sessões duram no Instagram determinam se você vê apenas as primeiras seleções do aplicativo pra você, ou vai mais a fundo. Eles também falaram que, ao contrário de crença popular, não, o Instagram nunca esconde conteúdo de quem você segue. Se você não está vendo, é por que não rolou o dedinho o suficiente.

Agora para as dicas

Uma coisa que eu achei muito legal foi ver a Camila Coutinho perguntar a Eva Chen, diretora de parcerias de moda do Instagram, como crescer seguidores em época de mudança constante de algorítmo. Se esse for o seu objetivo, é sempre interessante primeiro ouvir direto da fonte ao invés de empresas de marketing que podem não ter embasamento!

As dicas dela, originalmente publicadas no Garotas Estúpidas, são:

1: Poste mais

2: Seja você mesma

3: Use geotags e hashtags

Ela não disse que o aplicativo beneficia quem cria mais conteúdo, mas disse que, em média, o usuário entra no Instagram 35 vezes ao dia, se você postar 3, por exemplo, maiores as chances que vejam seu conteúdo, e se lembrem dele!

Quanto às hashtags, agora que o IG permite seguir tags, você tem oportunidade de aparecer no feed de um público que ainda não te segue.

Seja no Instagram, Youtube, ou a sua escolha de plataforma, o “segredo” sempre será conteúdo de qualidade! Mas claro que um conteúdo autêntico e bem feito merece ser entregue às pessoas interessadas, então se for pra seguir dicas, que venha de quem entende do assunto! Vocês notaram alguma mudança de engajamento na sua própria conta? Quero fazer uma pesquisa informal, me conta nos comentários! Ah, e não esquece de me seguir por lá né?

 

||||| 11 Gostou? |||||

Você também vai gostar

1 Comment

  • 3 meses ago

    Nossa, adorei entender melhor como funciona esse algorítimo. Isso explica o motivo de o meu IG pessoal ter muito menos engajamento que o IG “profissional” =)

    blogdeaventuras.com ♥

Deixar comentário

Deixar comentário Your email address will not be published